Menu Close

O que aconteceu quando tentamos comprar um terreno no Vale do Amanhecer que pertencia a Nancyara Zelaya

Isso foi no começo dos anos 1980. Meus pais, certa ocasião, decidiram que seria melhor comprar uma casinha no Vale. Até então morávamos em Sobradinho. Não era muito longe do templo mãe, mas em todo caso, eles queriam uma casa no Vale do Amanhecer. Poderíamos passar os finais de semana: ir na sexta, voltar no domingo ou na segunda-feira de manhã sem qualquer preocupação, além dos feriados prolongados. Enfim, a aquisição parecia de grande conveniência e proveito.

Após alguns contatos, eles ficaram sabendo que um amigo próximo, de nome Vilmar, estava vendendo uma casa e o valor pedido cabia em nossas possibilidades. Minha mãe animou-se com a concreta possibilidade da compra e, feliz da vida, foi contar a novidade para tia Neiva. Disse-lhe que estavam comprando uma casa no Vale!

Tia Neiva ficou indignada: “como Soninha!? Comprando casa!? Aqui não é pra isso, minha filha! Isso aqui é de vocês! Um sai de uma casa, outro ocupa! Não tem isso de comprar ou vender”! E falando nesse sentido, foi desanimando minha mãe da compra, fazendo-a ver que aquilo não tinha o menor sentido, que o Amanhecer não era um lugar de especulação imobiliária.

Tia Neiva não demorou a descobrir que a casa, originalmente, era de sua neta, Nancyara e que esta, de forma escondida, havia vendido a casa para o Vilmar. Ficou indignada! Mandou que a chamassem imediatamente e chamou-lhe à atenção com dureza. Obviamente o negócio desandou. Mas ficou o ensinamento. Hoje, assistimos com tristeza a compras e vendas de lotes nos diversos templos do Amanhecer. Negócios fomentados pelos próprios presidentes de templos… Triste…

Infelizmente, no Amanhecer, a questão da compra e venda de lotes está definida. É prática comum e estabelecida. Mas isso nunca foi permitido por tia Neiva enquanto ela estava encarnada. Tristemente verificamos que muitos são os presidentes de templos, comandantes, homens de alta hierarquia desse poder que, com o falacioso discurso de “manter tudo como tia Neiva deixou”, não se furtam a angariar todo tipo de vantagem, inclusive financeira. Numa rápida consulta à internet isso se constata facilmente…

Em rápida consulta à internet é possível encontrar um vasto mercado imobiliário em diversos templos do Amanhecer. Não temos como afirmar que esta é uma prática unificada em todo Brasil. Contudo, verificamos com tristeza que o Templo-mãe ignora completamente os pilares evangélicos pelos quais tia Neiva sempre norteou sua conduta. Não há como nos furtar ao fato de que vive-se hoje a doutrina das inverdades, do financismo.

Posted in A Doutrina do Amanhecer sob a égide do financismo

Related Posts

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Abrir bate-papo
Olá! Como podemos ajudá-lo?